terça-feira, 18 de novembro de 2008

Ida a Igreja Universal.


Quer ficar rico? Junte-se à corrente da prosperidade da Igreja Universal. Na segunda-feira, às 7 da noite, no templo estava lotado para a reunião dos empresários. Nenhum dos presentes tinha um aspecto propriamente empresarial. Reconheci dois fiéis: a moça do pão de queijo e o rei das embaixadinhas, que apresentava seu espetáculo futebolístico pelas ruas do bairro. Inicialmente, o pastor Wendell explicou que Deus é dono de todo o ouro e de toda a prata do Universo, e que é inaceitável que seu povo não possa usufruir plenamente desse tesouro. A miséria, segundo ele, é obra do demônio, que assola a vida econômica do país. Para afastar o ser maligno, o pastor Wendell conclamou seus auxiliares, os obreiros e as obreiras, a formar um túnel de fogo. Imediatamente, eles de gravata e elas com uniforme da Aviação Cometa, dispuseram-se em duas filas, uma de frente para a outra, e entrelaçaram as mãos, como numa quadrilha. Os fiéis, agitando sobre a cabeça carteiras de trabalho, talões de cheques sem fundos, e no caso do rei das embaixadinhas, uma bola de futebol, começaram a atravessar o túnel de fogo, enquanto o pastor Wendell, acompanhado do órgão eletrônico, se exaltava: "Deus, responde! O teu povo merece melhorar de vida! O Senhor prometeu!".
À saída do túnel, os fiéis juraram escrever setenta vezes o próprio nome numa folha de papel. Depois os obreiros passaram pelos bancos ungindo com vaselina os pequenos cetros de latão que todos os devotos da Igreja Universal possuem. Esses cetros de latão asseguram o pastor Wendell, funcionam como varas de condão: "Aponte-o para a casa dos seus sonhos e ele será sua!". Quem não acredita nesses milagres precisa assistir com mais assiduidade à TV Record. Outro dia, uma senhora testemunhou que estava à beira da morte, com um câncer terminal. Ela se filiou à igreja Universal e o câncer sumiu. O site da Igreja Universal oferece exemplos do gênero. Oferece, igualmente, receitas para clarear os pêlos das pernas e notícias sobre padres católicos condenados por pedofilia.
Se a primeira parte da reunião dos empresários foi dedicada a melhorar as finanças dos fiéis, a segunda buscou uma compensação para os cofres da Igreja Universal. O pastor Wendell mandou colocar quarenta Bíblias no altar, e pediu que quarenta fiéis lhe entregassem um mínimo de 10 reais cada um, "mesmo que fossem seus últimos dez reais". Não foi fácil. O pastor Wendell precisou suplicar por 23 minutos contados para angariar os doadores, suspeitando, inclusive, que houvesse um demônio entre nós. Um dos trunfos da Igreja Universal é a incorporação das técnicas dos programas de auditório. Os pastores sempre invocam aplausos para Jesus Cristo, como num show de calouros. O outro trunfo é a absoluta falta de pudor para tratar de dinheiro. Os pastores exigem que o dízimo seja calculado sobre o salário bruto, não sobre o líquido. E, como no boteco da esquina, aceitam vale-transporte. Essa gente, agora, compõe a base parlamentar do governo Lula. Os petistas não têm a menor chance contra eles.
Já que 15% são para a Igreja.

Por Diogo Mainardi e Antoniel N. Braz

4 comentários:

everton disse...

legal,ai podia ter falado da nossa ida a show evangelico onten né
mas ficou foda

Artur Ribeiro disse...

lombrado, porém com uma crítica interessante, aprovado pelas normas de qualidade do UVS, passe na recepção e pegue seu certificado.

dois casos que merecem ser relatados aqui:

1º:Ida ao show evangélico
2²:Ida ao treino da seleção (esse pode deixar comigo).

Seremos ingovernáveis
Artur Ribeiro.

Vulto de sanidade disse...

arra!
isso serah arranjado

AUHAUHAHUAHU

toONy

romulo disse...

Bão bão texto

e em relação a ida ao treino seus porra,ninguém me esperou lá fora da escola né

não não tá de boa

odeio futebol mesmo
mas voltando ao texto
o próximo trata do mesmo assunto
o protesto infundado dos protestantes,feito por mim =)

té+

by TemplatesForYouTFY
SoSuechtig, Burajiru